Veja as cidades de Goiás com casos confirmados de coronavírus, 25 de março de 2020

Veja as principais medidas de Higiene!

A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), informou nesta quarta-feira (25), o número de casos confirmados do novo coronavírus no estado de Goiás. Segundo o comunicado, existe 35 casos de doença pelo coronavírus 2019 (Covid-19) confirmados por critério laboratorial.

O Governo de Goiás lançou um hotsite, para que a população se informe com conteúdo informativo e baseado em orientações do Ministério da Saúde. Pelo endereço http://www.saude.go.gov.br/coronavirus, a população encontrará orientações sobre a hora certa de procurar uma unidade de saúde, com telefones úteis e com atendentes 24 horas por dia para orientar sobre como proceder em caso de sintomas da doença.

Em Goiás, as cidades queregistramcasos confirmados da COVID-19 são: Goiânia (15), Rio Verde (6), Anápolis (3), Aparecida de Goiânia (2), Valparaíso de Goiás (2), Jataí (1), Catalão (1), Silvânia (1) e Luziânia (1). Três casos que já foram confirmados por um laboratório particular ainda aguardam a atualização do local de residência das pessoas.

Confira abaixo medias para evitar a proliferação do vírus divulgadas pelo Ministério da Saúde:

  • Para evitar a proliferação do vírus, o Ministério da Saúde recomenda medidas básicas de higiene, como lavar bem as mãos (dedos, unhas, punho, palma e dorso) com água e sabão, e, de preferência, utilizar toalhas de papel para secá-las.
  • Além do sabão, outro produto indicado para higienizar as mãos é o álcool gel, que também serve para limpar objetos como telefones, teclados, cadeiras, maçanetas, etc. Para a limpeza doméstica recomenda-se a utilização dos produtos usuais, dando preferência para o uso da água sanitária (em uma solução de uma parte de água sanitária para 9 partes de água) para desinfetar superfícies.
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal é outra medida de prevenção importante. Deve-se cobrir o nariz e a boca com um lenço de papel quando espirrar ou tossir e jogá-lo no lixo. Também é necessário evitar tocar olhos, nariz e boca sem que as mãos estejam limpas.
  • Para a higienização das louças e roupas, recomenda-se a utilização de detergentes próprios para cada um dos casos. Destacando que é importante separar roupas e roupas de cama de pessoas infectadas para que seja feita a higienização à parte. Caso não haja a possibilidade de fazer a lavagem destas roupas imediatamente, a recomendação é que elas sejam armazenadas em sacos de lixo plástico até que seja possível lavar.
  • Além disso, as máscaras faciais descartáveis devem ser utilizadas por profissionais da saúde, cuidadores de idosos, mães que estão amamentando e pessoas diagnosticadas com o coronavírus. Também é importante que as pessoas comprem antecipadamente e tenham em suas residências medicamentos para a redução da febre, controle da tosse, como xaropes e pastilhas, além de medicamentos de uso contínuo.
  • Produtos de higiene também devem ser comprados e armazenados como uma medida de prevenção. No caso das crianças, recomenda-se que os pais ou responsáveis, adquiram fraldas e outro produtos em uma maior quantidade para que se evite aglomerações em supermercados e farmácias.
Sobre João Matheus 1575 Artigos
Técnico em Telecomunicações Formado pela Faculdade Senai Fatesg de Goiânia. É apaixonado por motos, esportes e assuntos relevantes. Atualmente integra a equipe do Mais Nacional.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*